PUBG: New State é o jogo para smartphone mais baixado do mundo em novembro

O novo battle royale da desenvolvedora Krafton, PUBG New State, foi o jogo mobile mais baixado no mundo neste último mês de novembro - pelo menos é isso o que aponta a lista mensal do Sensor Tower.

 Acumulando mais de 32 milhões de downloads, ele foi lançado no dia 11 de novembro para smartphones Android e iOS. Apenas no seu primeiro mês, ele desbancou títulos já consagrados do gênero, como Free Fire, que foi baixado “apenas” 22 milhões de vezes e caiu para o segundo lugar na lista.

PUBG New State não foi apenas líder das instalações gerais em dispositivos mobile (o que inclui tablets, por exemplo) - em novembro, ele encabeçou a lista de títulos mais baixados tanto em aparelhos iOS quanto naqueles que utilizam o sistema Android. Isso é bastante impressionante porque, apesar do seu concorrente direto, o Free Fire, ter sido o mais instalado em dispositivos Android nestes últimos meses, ele nem sequer apareceu nos 10 mais baixados em aparelhos da Apple.

A Índia foi a principal responsável pelo sucesso do PUBG New State, com 29,7% dos downloads em novembro. Em segundo lugar estão os Estados Unidos, com aproximadamente 12% do total. A popularidade surpreendente do título se compara àquela vista recentemente nas casas de jogatina virtuais, que nestes últimos anos se tornaram uma das formas de entretenimento favoritas do brasileiro. Por exemplo, é possível jogar com rodadas grátis no cassino, um bônus para novos usuários que se cadastrarem através do cassinos-online.com. Também conhecidas como free spins, essas promoções aumentam as suas chances de vencer e se divertir no processo.

Primeiro update

No dia 16 de dezembro, a Krafton anunciou o primeiro grande update de conteúdo do PUBG New State - quase ao mesmo tempo em que ele alcançou a marca de 45 milhões de downloads no mundo inteiro. Nesta atualização estão inclusas novas armas e veículos, assim como ainda mais opções de customização de armas, o que já se tornou característico de New State.

Um sistema de pontos de mérito também foi introduzido nesta atualização, onde os jogadores podem ganhar ou perder pontos de acordo com o seu comportamento in-game. Por exemplo, os jogadores que tiverem atitudes que o game considere inadequadas ou que atrapalhem a partida podem perder pontos. “Os pontos de mérito do sobrevivente cairão caso ele seja denunciado por matar colegas de equipe ou outros comportamentos negativos, e quanto mais denúncias, menor será a pontuação do jogador.”, diz o anúncio.

Caso os seus pontos fiquem abaixo de um determinado nível, o jogador é banido das partidas junto com times até que melhore os seus pontos de mérito novamente. A desenvolvedora ainda diz que ao jogar o modo solo, os pontos de mérito subirão lentamente, e “quando a pontuação estiver alta o suficiente, a restrição será excluída e será possível voltar ao modo esquadrão.”

Outra novidade do update é o Survivor Pass Vol. 2, que pode ser comprado pelos jogadores interessados em liberar algumas customizações e mais itens mais rapidamente. Neste passe, é possível ter acesso à história da personagem Bella da facção Dream Runner e concluir missões para resgatar alguns trajes dela. 

Game lucrativo

Vale ressaltar que, apesar de serem jogos gratuitos para baixar, o PUBG Mobile e New State lucram vendendo itens exclusivos dentro de suas lojas. Mesmo assim, o título lançado em 2018 que popularizou o gênero battle royale foi o game para celular Android e iOS mais lucrativo de 2021.

Segundo dados da Sensor Tower, o PUBG Mobile teve um rendimento superior a US$ 2,8 bilhões entre 1º de janeiro e 14 de dezembro deste ano. Empatando com a versão para celular de PlayerUnknown's Battlegrounds, o jogo Honor of Kings, também conhecido como Arena of Valor, também recebeu algo em torno de US$ 2,8 bilhões.

Todos os oito jogos para celular que mais faturaram em 2021 são gratuitos para baixar e jogar. Na lista também estão Genshin Impact, com um faturamento de US$ 1,8 bilhão, e ROBLOX, com US$ 1,3 bilhão.


0 Comentários