Por que Bolsonaro bebe leite em live nas redes sociais

CuriosidadesVariedades

O deputado federal Nelson Barbudo (PSL) negou que a live do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) com um copo de leite seja um ato fascista para ressaltar a supremacia branca. Segundo ele, a deputada federal Aline Sleutjes (PSL-PR), que desafiou o presidente a beber leite em uma de suas lives para incentivar a cadeia produtiva de leite no país.

Mato Grosso é 10º maior produtor de leite do país. O Estado tem perdido mercado para outros entes da federação.

Barbudo disse que o ato de beber um copo de leite, comparado ao fascismo, foi apenas uma forma de prestar homenagem aos milhares de produtores de leite existentes no Brasil. O parlamentar ainda atacou os veículos de imprensa que compararam o ato de Bolsonaro ao ato de ressaltar o que os fascistas classificavam de “supremacia branca”.

Ao atacar os jornalistas, o parlamentar disse, sem apresentar provas, que muitos apoiam o crime organizado, mas que como em toda profissão há bons jornalistas no Brasil.

Também sem explicar o contexto, o parlamentar disse que o país foi entregue ao presidente Jair Bolsonaro “quebrado” e com dívidas de R$ 3 trilhões. Ele afirmou que os jornalistas não falam sobre este montante. O deputado reiterou que sempre tomará um copo de leite em seus vídeos.

Atacou também o ex-presidente Lula (PT), dizendo que o petista bebia cachaça e que a imprensa não falava nada sobre o assunto, apesar das várias matérias sobre o assunto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *