condenado a 18 anos
A Califórnia publicou em Outubro de 2013 uma legislação específica para este tipo de crimes AFP
Um cidadão que criava sites com fotos íntimas foi condenado a 18 anos de prisão, no total os sites tinham mais de dez mil fotos íntimas, não autorizadas pelas pessoas, onde tinham suas imagens expostas.
Tal prática já conhecida no mundo virtual, Kevin Christopher Bollaert, de 28 anos, foi condenado por 27 crimes e por gerenciar vários sites de imagens íntimas e com estas fotos conseguiu arrecadar milhares de dólares. No processo testemunharam 21 pessoas, sendo que uma das vítimas relata que perdeu a amizade da própria mãe devido à divulgação das imagens. Portanto, mesmo que tal punição não tenha ocorrido no Brasil, serve como exemplo para que muitas pessoas que pensam em expor alguém na internet repense antes de agir, pois poderá acabar com a vida deste ser,  bem como com a sua, pois uma hora a justiça será feita. Apesar de todo dinheiro que foi arrecado por Kevin Christopher Bollaert, com tal prática em nada adiantou já que não ficará com um centavo desta fortuna.

Texto redigido com base na reportagem http://publico.uol.com.br