Notícias

Game Left 4 Dead 3 finalmente confirmado para 2017

left 4 dead 3

Rumor do dia: a contagem regressiva para Left 4 Dead 3 até que faz sentido

left 4 dead 3 – De acordo com uma publicação do site Express, a Valve está finalmente trabalhando na sequencia de Left 4 Dead, o famoso jogo de zumbis lançado em 2009, com previsão de lançamento em algum momento de 2017.

É provável que Left 4 Dead 3 seja lançado para PlayStation 4, Xbox One e Computadores, ainda sem confirmação.

Nas campanhas teremos novamente quatro sobreviventes, um gangster chamado Irwin, um desenhista de quadrinhos chamado Keenan, um famoso lutador de Kenpo, e uma misteriosa Katherine.

Ainda segundo a publicação, a nova versão terá 6 tipos de campanha: No Mercy, Cliff-Hanger, Early Destination, Crashland, Impasse e Inquisitor Land.

O site conta ainda que a Valve decidiu dar prioridade a Left 4 Dead 3 depois de ter adiado Half-Life 3.

A reação padrão de todo mundo que conhece um pouco a Valve é afirmar com veemência que é mentira, boataria, trollagem de algum desocupado. Foi a minha, também. Só que o site CinemaBlend uniu vários fatos isolados que até tornam a contagem verossímil… Mas vamos com calma.

Em 28 dias, no dia 21 de setembro, começa a GamesCon na Alemanha. E a Valve está na lista de empresas que terão um booth na convenção. No ano passado também esteve por lá, mas sem um lugar seu no showfloor. E, contrariando os inevitáveis rumores de que Half Life 3 finalmente seria anunciado, nenhum jogo foi revelado na GamesCon em 2012.

Outro ponto que o site costurou foi um Vine postado por Marc Laidlaw, designer da Valve, com o título “Dare I?” (algo como “Eu ousaria?”). Nele, o cara faz que vai apertar o botão 3 num elevador e muda para o L. E foi postado no mesmo dia que a contagem regressiva foi ao ar.

Etiquetas
Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios