Notícias

4 pessoas mortas e 4 em estado grave por envenenamento em Barueri

Testemunhas afirmaram que um carro parou no local e deu cachaça às vítimas

Por volta das nove horas da manhã desse sábado, 16/11, oito moradores em situação de rua passaram mal por envenenamento. Pelo menos quatro morreram de ataque cardíaco.

4 pessoas mortas e 4 em estado grave por envenenamento em Barueri novembro 16, 2019

Segundo testemunhas, um carro teria parado no local onde as vítimas ficavam, na esquina da rua Campos Sales com a Duque de Caxias, próximo ao mercado Barbosa, e dado bebida aos moradores em situação de rua.
GCMS faziam patrulhamento quando viram as vítimas em convulsão no ponto de ônibus e acionaram o Resgate Municipal e o Corpo de Bombeiros. Apesar dos atendimentos, dois moradores em situação de rua morreram no local. Os outros foram levados ao Pronto Socorro Central (Sameb), onde foram atendidas. Lá, mais dois acabaram morrendo.
Foi informado a oitava vítima, que estava no local quando foram envenados, também estava passando mal, assim o resgate foi na casa dele e o levou para o Sameb. Quatro dos socorridos continuam em estado grave.

Identificadas as vítimas de envenenamento

Um dos sobreviventes afirmou que uma garrafa com bebida alcoólica lhe foi oferecida por desconhecidos na capital paulista, na região conhecida como Cracolândia, e que todas as vítimas compartilharam do líquido momentos antes de passarem mal pela rua Duque de Caxias (região central de Barueri).

A Polícia Civil já apreendeu a garrafa e solicitou perícia técnica do conteúdo. O caso ainda está em investigação pela Delegacia Sede de Barueri.

As vítimas são:

Renilton Ribeiro Freitas: 43 anos, Internado
Silvia Helena Euripes: 54 anos, Internada
Vinicius Salles Cardoso: 31 anos, Internado
Sidnei Ferreira de Araújo Leme: 38 anos, Internado
Denis da Silva: Idade não identificada, Vítima fatal
Luiz Pereira da Silva: 49 anos, Vítima fatal
Marlon Alves Gonçalves: 39 anos, Vítima fatal
Edson Sampaio da Silva: 40 anos, Vítima fatal

Autoridades policiais se dirigiram ao local para apurar os fatos e não descartam nenhuma linha de investigação. No local há câmeras de monitoramento e segurança.

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios