O real brasileiro e sua origem

O real é a moeda legal no Brasil desde 1994 e atualmente é a moeda mais forte de toda a América Latina. Essa moeda sofreu muitas mudanças devido às crises econômicas que o país passou.

real brasileiro

Origens e história

Ao longo da história o Brasil teve diferentes moedas, como consequência dos diversos problemas econômicos que o país sofreu.

De meados do século XVII até 1942, o real era a moeda única, até que uma reforma monetária o retirou de circulação. Na época era conhecido como “réis”, o apócope da forma plural “reais”. Então foi imposto o cruzeiro, que foi dividido em 100 centavos e permaneceu em circulação até 1986. Nesse ano foi estabelecido o cruzado, em circulação até 1989, igualando 1.000 dos cruzeiros antigos e também dividido em 100 centavos.

O  cruzeiro real , equivalente a 1.000 cruzeiros, voltou em 1993 por um ano inteiro, até que o país voltou ao real, após muitos anos de inflação. Desta vez o real voltou para ficar, pela mão de Itamar Franco, então presidente da República, para dar ao país uma moeda estável.

Na “Casa de la Moneda”, no Rio de Janeiro, foram impressas cédulas de reais e distribuídas 900 milhões de moedas, com o Governo investindo dez milhões de dólares para colocar essa nova moeda em circulação.

Nos anos de 1998 e 2010 foram emitidas novas séries com novos desenhos para melhorar a segurança das notas e evitar a falsificação.

Moedas e cédulas reais brasileiras atuais

Atualmente existem moedas de 1, 5, 10, 25 e 50 centavos, moedas de um real e notas de 2, 5, 10, 20, 50, 100 e 200 reais. 

As moedas são fabricadas com um anel de aço revestido de bronze e um centro de aço inoxidável.

Fatos interessantes da realidade 

  • A cédula de R$ 1 pode chegar ao valor de R$ 100 para colecionadores porque não é mais impressa e raramente é vista em circulação.
  • Ainda há 150 milhões de moedas de R$ 1 em circulação.
  • O Brasil tem outras moedas além do real. Pode haver até 81 moedas diferentes que complementam a economia do país, reconhecidas pelo Banco Central do Brasil, que foram cunhadas por bancos comunitários para simular a economia em algumas regiões como São Paulo ou Rio de Janeiro.
  • O Brasil mudou de moeda pelo menos 8 vezes em apenas 50 anos.
  • As cédulas de reais mais modernas, em circulação desde 2010, possuem diferentes tamanhos e são impressas com diferentes tecnologias que garantem sua autenticidade.


Próxima postagem Postagem anterior
SEM COMENTÁRIOS
Adicionar Comentário
comment url
Carregando...