Toyota suspende temporariamente produção de carros no Japão após ataque cibernético em fornecedor

A Toyota interrompeu a produção em todas as suas fábricas de automóveis japonesas. A empresa está fazendo isso após um ataque cibernético em um grande fornecedor, escreve o jornal de negócios japonês Nikkei. A Toyota espera retomar a produção na quarta-feira.

A Toyota escreve em seu site que na terça-feira foi decidido fechar 28 linhas de produção em 14 fábricas de automóveis japonesas. A empresa refere-se a um “mau funcionamento do sistema” no fornecedor Kojima Industries, que fornece várias peças à Toyota, tanto para o interior como para o exterior dos carros. A Toyota diz que espera poder entregar veículos aos clientes o mais rápido possível. A montadora escreve que quer retomar o trabalho na quarta-feira.

A montadora não cita uma causa concreta da 'falha do sistema', mas um funcionário da Kojima Industries diz ao Nikkei que se trata de um ataque cibernético. O fornecedor disse na manhã de terça-feira que recebeu "uma mensagem" exigindo um resgate, escreve o jornal. Parece ser ransomware. O Nikkei também escreve que a Hino Motors e a Daihatsu também estão suspendendo temporariamente suas atividades em certas fábricas.

Ainda não se sabe quem está por trás do ataque. Um funcionário da Kojima Industries disse ao jornal japonês que ainda está fazendo um inventário dos danos. Diz-se que o governo japonês está envolvido na investigação.


Alex Santos

Criador do site BR Acontece atualizado nos principais assuntos em política, economia, tecnologia e variedades.

Postagem Anterior Próxima Postagem