Rede Social Criada Por Baiano Já Atingiu 83 Mil Membros e está fazendo o maior sucesso entre os jovens - BR Acontece

Rede Social Criada Por Baiano Já Atingiu 83 Mil Membros e está fazendo o maior sucesso entre os jovens

BR ACONTECE
Amante da internet, tv, plataformas blogger e WordPress. Vivo conectado em um mundo chamado notícias online, sempre atualizando o site BR. Email:
Lançada no dia 3 de setembro de 2014, a rede social Viibez está fazendo o maior sucesso entre os jovens e foi criada por um baiano. Nascido na cidade de Feira de Santana, a 116 km de Salvador, o jovem Felipe Novaes, de 20 anos, resolveu desenvolver o site para poder tornar mais fácil a acessibilidade das pessoas e para que elas explorem mais facilmente as informações que estão sendo publicadas por lá.
“Inicialmente temos a função seguir, que permite que os membros acompanhem todas as fotos, vídeos e músicas das pessoas que está seguindo. Futuramente, teremos a opção de postar gravação de voz, além de filtros já disponibilizados para quando for possível postar alguma foto, excluindo a necessidade de procurar um outro aplicativo ou site que forneça essas modificações”, explicou.
Rede social criada por baiano já atingiu 83 mil membros
Brasileiros amam as redes sociais
Uma pesquisa feita recentemente pela comScore, empresa de análise de tecnologia de internet, mostra que o brasileiro passa quase 13 horas por mês online em redes sociais. Os internautas do Brasil ficam mais tempo usando o Facebook do que mexicanos e argentinos juntos. De 2013 para 2010, o aumento de usuários brasileiros nas rede sociais aumentou quase 30%.
Felipe já juntou mais de mil reais nos primeiros meses da rede social criada por ele
Em entrevista ao site CanalTech, a diretora de Criação da Polvo Digital, Carla Faria Del Valle, ressaltou que as redes sociais são mais um fenômeno recente. “Basta estar online para ser impactado diariamente por conteúdo que nasceu e foi disseminado por meio do Twitter ou do Facebook, mesmo que você não esteja relacionado a essas redes”.
Após analisar a pesquisa, Carla constatou que as redes sociais fazem parte do cotidiano do brasileiro. “Estar online o tempo todo em qualquer lugar deixou de ser uma atitude de nerds ou workaholics. Agora, é premissa para o convívio social. O acesso à internet móvel e aos smartphones tem alavancado esse comportamento”, ressalta. Ela coloca que mais do que uma oportunidade de relacionamento entre marca e seus fãs, as redes oferecem vários formatos de oportunidades comerciais e devem fazer parte da estratégia online da sua empresa. “Com uma estratégia segmentada e personalizada, empresas de qualquer ramo podem se aproveitar das redes como canal de vendas e comunicação”, destaca.
Outras redes sociais criadas por brasileiros
Com a intenção de mudar o cenário das redes sociais, brasileiros investem pesado na construção de novas opções de sites de relacionamentos. Exemplo disso é que a Viibez não é a única rede social criada por um brasileiro. Lançada em 2013, a Bliive se tornou uma troca de serviços como aulas de ukelele e companhia para baladas. A rede social já está presente em mais de 50 países e tem entre seus fundadores Lorrana Scarpioni – universitária curitibana que está na lista dos 10 jovens brasileiros mais inovadores publicada em abril pelo MIT.
Outro exemplo de rede social feita por brasileiro é a iCampus Social, que foi lançado em maio de 2014 e propõe o reconhecimento do melhor conteúdo. O site põe em evidência os conteúdos mais aprovados pelos usuários por meio do botão “gostei”. Fundadores da página, os irmãos Bruno e Rafael Araújo têm como meta tornar a rede social a mais usada do Brasil dentro de dois anos.
E para os amantes dos livros, o Skoob reuniu 2,5 mil usuários logo na primeira semana de funcionamento. A rede social fundada por Lindenberg Moreira e Viviane Lordello e era voltada para um grupo de amigos. Com a grande procura, o público-alvo do site se expandiu. 

Deixe um comentário