Quem seriam as detentas da versão brasileira de “Orange Is The New Black” - BR Acontece

Quem seriam as detentas da versão brasileira de “Orange Is The New Black”

BR Acontece
Criador do site BR Acontece, amante da internet, tv, plataformas blogger e WordPress. Vivo conectado em um mundo chamado notícias online, sempre atualizando o site BR.

Piper Chapman — Carolina Dieckmann.

enhanced-17408-1434730207-11

Carolina Dieckmann já provou que pode ser uma grande mocinha, como em “Mulheres Apaixonadas” e uma vilã das boas como em “Cobras e Lagartos”, e faria com os pés nas costas a medrosa e azarada protagonista da série.

Alex Vause — Alinne Moraes.

enhanced-31868-1434730888-9

 

Alinne segura um cabelão moreno, é alta e sabe como ninguém fazer um olhar matador como Alex. Um caso clássico de uma atriz que cai como uma luva em um papel.

Tasha “Taystee” — Karin Hils.

enhanced-11026-1434734972-12

 

A atriz e cantora Karin, que já passou pelo grupo Rouge e séries como “Pé na Cova” e “Sexo e as Nega”, teria que ganhar uns quilinhos para viver a divertida Taystee, mas de resto já deu muitas provas de que pode dar vida a uma das personagens mais queridas de OITNB.

Poussey Washington — Aparecida Petrowky.

enhanced-12633-1434734039-14

Depois de “Viver a Vida”, Aparecida Petrowky tomou conta das noticias ao se casar com o cantor Felipe Dylon. Como a desbocada Poussey teria a chance de retornar as telas.

Cindy Hayes — Cacau Protásio.

enhanced-18345-1434735565-1

Quem melhor do que a musa Cacau Protásio para viver a debochada Cindy Hayes? Afinal a personagem é um mistura perfeita de Zezé de “Avenida Brasil” e Terezinha, do programa “Vai Que Cola”.

Crazy Eyes — Zezeh Barbosa.

enhanced-18087-1434736052-5

Zezeh é daquelas atrizes que precisa de muito mais destaque do que vem tendo na novela “I Love Paraisópolis” ou que tinha no seriado “Segunda Dama”. Crazy Eyes daria a oportunidade dela brilhar muito mais.

V — Zezé Motta.

enhanced-10994-1434736414-9

Com quase 50 anos de carreira, Zezé Motta teria a chance de arrebatar muitos prêmios na pele da inescrupulosa “V”. E assim como Zezeh Barbosa, ganharia o merecido destaque que não tem tido nos últimos anos.

Red — Regina Duarte.

enhanced-16628-1434733611-3

 

Regina Duarte não sai das telinhas, porém há anos não emplaca o sucesso dos tempos de “Rainha da Sucata”, “Roque Santeiro” e até “Por Amor”. Como a russa Red, poderia demonstrar sua versatilidade sem medo de ser exagerada.

Aleida Diaz — Dira Paes.

enhanced-18576-1434742063-1

 

Aleida Diaz é com certeza uma das piores mães das séries norte-americanas e precida de uma intérprete à altura no Brasil. Por isso, ninguém melhor que a diva Dira Paes para dar vida a sua versão brasileira.

Dayanara Diaz — Nanda Costa

enhanced-7766-1434742309-10

 

A gente gosta de aposta em coisas certas, e vamos combinar que uma das poucas coisas que funcionaram em “Salve Jorge” foi a dobradinha Dira Paes e Nanda Costa. Por isso, apostamos na jovem para viver a doce e sonhadora Daya.

Bônus: essa cena aconteceria novamente <3

enhanced-6939-1434744339-8

Sophia Burset — Maria Clara Spinelli

 

Atual ícone do movimento trans nos EUA, Laverne Cox é uma das poucas atrizes transexuais do país e ganhou destaque exatamente ao interpretar a cabeleleira Sophia Burset. Aqui no Brasil, Maria Clara Spinelli já mostrou ser uma ótima atriz no longa “Quanto Dura o Amor?” e em sua participação em “Salve Jorge” . Também transexual, entenderia como ninguém o papel.

(Ah, e se alguém tiver uma indicação de atriz trans negra que viveria uma boa Sophia, conta pra gente nos comentários!)

Tiffany “Caipira” Doggett — Maria Luísa Mendonça

enhanced-15771-1434744826-11

Maria Luísa Mendonça mostrou a que veio já em seu papel de estreia, a Buba de “Renascer”. De lá pra cá interpretou diversos papeis complexos, o que a torna o nome certeiro para dar vida à louca Caipira.

Carrie’Big Boo’ Black — Cláudia Jimenez.

enhanced-24942-1434745201-1

Ninguém dúvida da veia cômica de Cláudia Jimenez, portanto não seria nada mal ver ela encarando o desafio de interpretar a ácida e ao mesmo tempo doce Big Boo.

Nicky Nichols — Giovanna Antonelli

enhanced-5748-1434746248-6

Giovanna já tem interpretou uma lésbica em “Em Família”, porém com papel da viciada e desbocada Nicky Nichols teria a chance de dar vida a uma personagem oposta a doce Clara.

Lorna Morello — Carolina Kasting

enhanced-3011-1434746527-124

Carolina Kasting é uma boa atriz, mas lhe falta um papel marcante para mostrar todo seu potência e ninguém melhor do que a sonhadora e desparafusada Lorna.

Deixe um comentário