Motorista do ônibus está entre as vítimas de acidente em Santa Catarina, a empresa disponibiliza o telefone (49) 3561-5591 - BR Acontece

Motorista do ônibus está entre as vítimas de acidente em Santa Catarina, a empresa disponibiliza o telefone (49) 3561-5591

BR ACONTECE
Amante da internet, tv, plataformas blogger e WordPress. Vivo conectado em um mundo chamado notícias online, sempre atualizando o site BR. Email:
Foto: Arcanjo / Agência RBS
O motorista do ônibus está entre as vítimas do acidente com veículo que saiu de Passo Fundo, no norte do Rio Grande do Sul, com destino a Florianópolis e caiu em uma ribanceira na BR-282, na cidade de Alfredo Wagner, na serra catarinense. O acidente aconteceu por volta das 4h deste domingo, no km 109 da rodovia. Sete pessoas morreram no local e outras duas no Hospital Regional de São José.
O ônibus levava 40 passageiros. Os feridos foram levados aos hospitais Nossa Senhora das Graças, em Bom Retiro, Hospital de Alfredo Wagner, Hospital Regional de São Jose e Hospital Nossa Senhora dos Prazeres, em Lages e há pessoas em estado grave.

A empresa Reunidas informou que está se mobilizando para prestar assistência às vítimas e familiares. A empresa ainda não tem informações sobre as causas do acidente e informa que a lista com os nomes dos passageiros e das vítimas não será divulgada. Para os familiares que buscam informações sobre o acidente, a empresa disponibiliza o telefone (49) 3561-5591.
Em entrevista à Rádio Gaúcha, um passageiro de Florianópolis que estava no ônibus relatou que sentiu o veículo descontrolado no momento do acidente.
— Eu acordei poucos segundos antes do acidente, com os gritos das pessoas e minha mulher me chamando. Fui um dos primeiros a sair do ônibus e consegui tirar várias pessoas lá de dentro — conta o passageiro.
Ainda segundo o passageiro, aparentemente o ônibus estava em alta velocidade e houve uma troca de motoristas em Lages. Ele relata que estava usando cinto de segurança e que a maioria dos passageiros também usava o equipamento. O passageiro também relatou que o socorro chegou rapidamente, com ambulâncias de Lages e Florianópolis.
Fonte:Diário Catarinense

Deixe um comentário