DirectX 12 é oficial: melhor desempenho e ampla compatibilidade são os destaques - BR Acontece

DirectX 12 é oficial: melhor desempenho e ampla compatibilidade são os destaques

BR Acontece
Criador do site BR Acontece, amante da internet, tv, plataformas blogger e WordPress. Vivo conectado em um mundo chamado notícias online, sempre atualizando o site BR.

Tal como previsto, a Microsoft aproveitou a GDC 2014 para revelar detalhes do aguardado DirectX 12, a mais nova versão de seu popular conjunto de APIs gráficas. As principais novidades são o desempenho até 50% superior em relação ao DirectX 11 e a otimização do consumo de energia, além da compatibilidade que inclui dispositivos atuais.

 DirectX_12_Logo-pcgh

No que diz respeito ao primeiro aspecto, uma das mudanças mais impactantes é a melhor distribuição de carga entre os núcleos da CPU. Um comparativo feito pela Microsoft durante a apresentação na GDC com base no 3DMark mostra como esta falta de otimização faz o DirectX 11 sobrecarregar o primeiro núcleo de um processador quad-core.

 

O DirectX 12, por sua vez, conseguiu realizar a mesma tarefa distribuindo a carga entre todos os núcleos, fazendo o processamento ser realizado em metade do tempo e, por este motivo, reduzir o consumo energético.

 

Esta otimização toda é possível porque, de modo geral, o DirectX 12 dá mais controle sobre diversos aspectos do hardware, ou seja, diminui o nível de abstração, a exemplo da API Mantle, da AMD. Trata-se de uma característica crucial em um tempo onde as GPUs evoluem de maneira muito mais consistente que as CPUs, mas a dependência de um em relação ao outro permanece a mesma (como não poderia deixar de ser).

Com os dispositivos móveis cada vez mais roubando a cena, a Microsoft tratou de compatibilizar o DirectX 12 não só com PCs como também com smartphones, tablets e afins. A Qualcomm já garantiu suporte para processadores Snapdragon (tal como já acontece com o DirectX 11), enquanto que a Nvidia anunciou o mesmo em relação aos chips Tegra.

forza_5_directx_12

Esta não é a única boa notícia vinda desta última: a Nvidia também confirmou que todas as suas GPUs baseadas no DirectX 11 serão compatíveis com o DirectX 12. Da parte da Intel, o mesmo acontecerá com os chips Haswell (quarta geração) e superiores.

A AMD foi a última a se manifestar sobre o assunto, mas a empresa já confirmou que todas as suas GPUs compatíveis com a arquitetura CGN (Graphics Core Next) receberão suporte ao DirectX 12. Isso inclui, obviamente, os atuais chips Radeon R7 e R9.

 

Em termos de compatibilidade, o DirectX 12 é a versão mais ampla, como se vê. A Microsoft sequer se atreveu a esquecer o suporte em relação ao Xbox One, o que deve dar uma ajuda e tanto na portabilidade de jogos entre plataformas.

O balde de água fria desta história toda fica por conta da previsão de lançamento: o DirectX 12 só deve ser disponibilizado no final de 2015, com os primeiros jogos totalmente compatíveis devendo ser revelados apenas alguns meses antes.

Deixe um comentário