Bolsa Família: Temer prepara decreto para atacar fraudes - BR Acontece

Bolsa Família: Temer prepara decreto para atacar fraudes

BR Acontece
Criador do site BR Acontece, amante da internet, tv, plataformas blogger e WordPress. Vivo conectado em um mundo chamado notícias online, sempre atualizando o site BR.

Bolsa Família: Uma fiscalização mais rigorosa levará ao desligamento de 600 mil famílias somente na folha de pagamento de setembro

Bolsa Família

O governo do presidente Temer, do PMDB, fará alterações importantes no considerado maior programa social do país, o ‘Bolsa Família’. O objetivo é acabar com a “mamata” que muitos usuários acabam fazendo, usando irregularmente o programa. Agora para que o beneficiário receba o dinheiro referente ao ‘Bolsa Família’, ele terá que está apto após o cruzamento de seis dados oficiais. Dessa forma, o CPF dos familiares será cruzado com a Receita Federal e até com compras feitas no dia a dia. A tolerância será zero e caso alguma irregularidade seja encontrada, a família deixa de receber o benefício. Atualmente, isso só acontece na terceira vez.

 

O jornal O Globo noticiou nesta sexta-feira que o governo Michel Temer finaliza um decreto para alterar regras de acesso e permanência no programa Bolsa Família, uma das principais bandeiras da gestão petista na área social. Segundo a publicação, haverá um cruzamento com seis bases de dados oficiais no momento da inscrição para que se evite fraudes com declarações de renda. Também será reduzida de três vezes para duas a tolerância para que participantes que caiam na “malha fina” do programa sejam desligados.

A ideia do governo é colocar regras mais consistentes de checagem para que os que mais necessitam do programa sejam melhor atendidos. As medidas dificultarão o acesso ao Bolsa Família. Conta o jornal que uma fiscalização mais rigorosa levará ao desligamento de 600 mil famílias somente na folha de pagamento de setembro. O programa hoje atende a cerca de 50 milhões de pessoas.

Deixe um comentário