Americana de 110 anos conta que beber três cervejas por dia é o seu segredo de longevidade - BR Acontece

Americana de 110 anos conta que beber três cervejas por dia é o seu segredo de longevidade

BR Acontece
Criador do site BR Acontece, amante da internet, tv, plataformas blogger e WordPress. Vivo conectado em um mundo chamado notícias online, sempre atualizando o site BR.

20150805101019aGTWv4UgXgAmy Newman / North Jersey /Landov

isso a torna muito especial. O jornal Record informou que das sete bilhões de pessoas da Terra, apenas cerca de 600 (isso é uma em cada 10 milhões) têm 110 anos ou mais.

Fenton ouve e enxerga bem. Ela lê jornal, ouve rádio e sai com os amigos.

 

Ela gosta de asa de frango, vagem e batata doce. Ela dorme bastante e ora. Segundo a opinião geral, ela vai muito bem, sem problemas sérios de saúde.

 

E também, todo dia durante 70 anos ela bebeu três cervejas e uma dose de uísque.

20150805101004gTXfpAQceP

Ela disse que depois de seu único problema de saúde sério (um tumor benigno) há várias décadas atrás, seu médico disse para beber três cervejas por dia. E isso (mais uma dose de uísque) foi o que ela fez pelas sete décadas posteriores.

Apesar disso, Fenton parou de beber recentemente graças a um conselho de seus cuidadores, que queriam que ela prestasse atenção ao seu consumo de álcool já que ela não está se alimentando tanto quanto costumava.

Fenton participa do New England Centenarian Study, que vem coletando dados sobre ela há cinco anos.

Uma foto publicada por @nlc1203 em

 

“Cada um dos nossos centenários tem seus diferentes segredos”, disse ao jornalRecord a diretora de investigação em estudos genéticos Stacy Andersen, incluindo que se Fenton acha que o que a mantém viva é o álcool, “talvez seja” (apesar de ela ter mencionado que o álcool provavelmente não promove longevidade entre os outros participantes do estudo).

E se você está pensando que deveria seguir o ritmo de Fenton para viver mais, a resposta é provavelmente não, infelizmente.

Apesar de provavelmente haver alguma associação entre saúde cardiovascular e consumo moderado de vinho e cerveja, os médicos geralmente não recomendam que você beba por motivos de saúde.

Uma análise de 2012 de estudos clínicos e epidemiológicos dos efeitos do álcool na saúde explica que não é realmente o álcool que substitui um estilo de vida saudável, mas o consumo entre leve e moderado de vinho e cerveja (e menor de destilados) pode ser considerado, pela maioria das pessoas, um hábito saudável.

Dito isso, consumo moderado é duas doses por dia para homens e um para mulheres. Então, basicamente, é uma dose menor do que a de Fenton. Também vale a pena lembrar que especialistas consideram farras alcoólicas para mulheres a partir de quatro ou mais doses por noite. E bebedeiras podem causar uma variedade de efeitos negativos à saúde, tanto no curto quanto no longo prazo. Então… é isso.

Mas de qualquer forma, continuamos a pensar… se isso funcionou para Agnes Fenton…?

Deixe um comentário